twitter
    Find out what I'm doing, Follow Me :)

Quais os riscos de usar testosterona?

Muitos jovens questionam se com a reposição hormonal de testosterona, eles teriam uma melhora do desempenho sexual, um aumento do tamanho peniano, ou ainda se ganhariam mais massa muscular, alterando assim a imagem corporal.

A testosterona está ligada ao nível de libido sexual, a ereções firmes, ao bom relacionamento cognitivo, a um equilíbrio do cálcio nos ossos, a uma boa musculatura, e a diminuição dela antes dos 40 pode ser causada por: cirurgias sobre os testículos diminuindo a quantidade de células produtoras como, por exemplo, a retirada de um testículo por infecção ou acidente, ou ainda por falta de estímulo hormonal cerebral, que impede o desenvolvimento dos testículos na adolescência, ou testículos que não desceram durante a infância e ficaram retidos no abdome, ou até a falta congênita dos testículos, mais rara.

Lembramos que as práticas de algumas academias de musculação em oferecer aos clientes produtos anabolizantes contendo hormônios levam, com o tempo, a uma parada de fabricação da testosterona, resultando numa atrofia testicular, infertilidade, aumento da chance de câncer de mama masculina e da próstata.

Sendo assim, é errôneo pensar que o aumento dos níveis hormonais da testosterona pode interferir na libido, ereção ou tamanho peniano, pois esse último é definido durante a fase infantil e adolescente, ou seja, depois de desenvolvido pela natureza individual, os hormônios não mais terão ação sobre os tecidos já amadurecidos.

Quanto à libido, somente a baixa taxa do hormônio levaria a essa situação; por outro lado, se os hormônios estiverem normais, as alterações afetivas, a depressão, os conflitos emocionais são as principais causas dessa alteração, sendo recomendada então uma abordagem psicoterapêutica. is: ig

0 comentários:

Postar um comentário